Doces

Geladinho de coco queimado

Essa é uma receita muito especial da minha família que fez parte da minha infância. Aliás, as minhas maiores lembranças da infância envolvem comida, e eu gostava (e gosto) tanto de comer que meu apelido era “gordinha”.

Os sabores que eu mais me lembro era esse de coco queimado e o de creme holandês, que vinha em um vidro marrom, parecia muito groselha com leite, hoje em dia eu vi apenas em garrafas de plástico, não sei se o sabor ainda é o mesmo.

Minha avó por parte de mãe, a vó Zoraide, que nos ensinou a tradição do geladinho, ela sempre fazia no verão, era a alegria da criançada e a tristeza dos mais velhos, porque a gente ficava abrindo a geladeira o tempo todo para pegar os geladinhos e não gelava direito, rsrs!

Minha mãe e minhas tias também faziam, e eu aprendi com a minha mãe, só de ver, porque não tinha uma receita certa, elas faziam “no olho” e eu ainda era criança, mas lembro que ficava de olho na panela observando as etapas, e hoje consegui reproduzir a receita da minha avó certinho.

 

Ingredientes:

2 xícaras (chá) de coco em flocos (200g)

1 xícara (chá) de açúcar

1 lata de leite condensado

2 litros de leite

6 colheres (sopa) de amido de milho

1/2 xícara (chá) de água para dissolver o amido

Modo de preparo:
  1. Em uma panela grande coloque o coco e o açúcar, leve ao fogo médio/baixo para caramelizar o coco.
  2. Mexa sempre para que não queime, até ficar bem dourado.
  3. Acrescente o leite condensado, o leite e misture.
  4. Dissolva o amido de milho na água e acrescente.
  5. Mexa de vez em quando para não grudar no fundo, quando ferver e engrossar, desligue o fogo. Tampe a panela para não criar crosta e espere esfriar.
  6. Coloque nos saquinhos com a ajuda de um funil, deixando dois dedos sem encher para dar um nó.
  7. Deixe no congelador de preferência de um dia para o outro para endurecer.

 

Comentários

comentários